AdSense

ÚLTIMAS

recentposts

Quíntuplos de PE sofrem com falta de leite da mãe e passam fome; Saiba como ajudar

Hildeane pede doações para que os recém-nascidos possam ganhar peso e sair da UTI

Toda mãe sonha em poder amamentar seus filhos e vê-los crescer, com o sonho de tê-los em casa rindo e brincando. A situação de Hildeane Carneiro, de 39 anos, é um pouco diferente. Ela pede a todos que possam doar
leite que a ajudem a amamentar seus bebês. A pernambucana teve quíntuplos e não
tem leite suficiente para amamentar os recém-nascidos. O R7 conversou com a mãe
sobre o drama de ver os filhos sem comer.  — Meu coração está partido. Já chorei muito. Tudo o que eu
queria era ter leite para todos eles. Infelizmente o meu leite não é o suficiente,
mas tenho certeza que Deus está trabalhando para me ajudar*Colaborou Brenno Souza, estagiário do R7
























Toda mãe sonha em poder amamentar seus filhos e vê-los crescer, com o sonho de tê-los em casa rindo e brincando. A situação de Hildeane Carneiro, de 39 anos, é um pouco diferente. Ela pede a todos que possam doar leite que a ajudem a amamentar seus bebês. A pernambucana teve quíntuplos e não tem leite suficiente para amamentar os recém-nascidos. O R7 conversou com a mãe sobre o drama de ver os filhos sem comer. 

— Meu coração está partido. Já chorei muito. Tudo o que eu queria era ter leite para todos eles. Infelizmente o meu leite não é o suficiente, mas tenho certeza que Deus está trabalhando para me ajudar

*Colaborou Brenno Souza, estagiário do R7
Foto: Reprodução/Rede Record

Os bebês, que nasceram no dia 14
de julho, estão na UTI para ganhar peso. Vitória, Alice,
Heloísa, Helena e Valdemir nasceram com aproximadamente 1,2
kg cada, mas, segundo a mãe, precisam do leite materno para ganhar peso e
receber alta. No último domingo, nenhuma das meninas se alimentou, porque o
pequeno Valdemir sofria com refluxo e não estava se alimentando. Agora que o
menino está melhor, as enfermeiras priorizaram sua alimentação.  — Eu preciso das doações
para que todos consigam comer. Se elas não se alimentarem, elas vão acabar
perdendo peso, e a situação pode piorar
Os bebês, que nasceram no dia 14 de julho, estão na UTI para ganhar peso. Vitória, Alice, Heloísa, Helena e Valdemir nasceram com aproximadamente 1,2 kg cada, mas, segundo a mãe, precisam do leite materno para ganhar peso e receber alta. No último domingo, nenhuma das meninas se alimentou, porque o pequeno Valdemir sofria com refluxo e não estava se alimentando. Agora que o menino está melhor, as enfermeiras priorizaram sua alimentação. 

— Eu preciso das doações para que todos consigam comer. Se elas não se alimentarem, elas vão acabar perdendo peso, e a situação pode piorar
Foto: Reprodução/Rede Record
A mãe pede para amigos
e parentes, que conheçam mães que estão amamentando, que as sensibilizem com a
história e peçam ajuda para a situação da família.  — Tudo o que vier é
lucro. Não temos vergonha de pedir ajuda. Meus amigos estão tentando achar
doadoras


















A mãe pede para amigos e parentes, que conheçam mães que estão amamentando, que as sensibilizem com a história e peçam ajuda para a situação da família. 

— Tudo o que vier é lucro. Não temos vergonha de pedir ajuda. Meus amigos estão tentando achar doadoras
Foto: Reprodução/Rede Record






A história começou
quando Hildeane e o marido Valmir decidiram ter filhos. Depois de 11 anos de
casados, eles descobriram que ela tinha dificuldades para engravidar e optaram
pelo tratamento de fertilização. Após cinco anos na fila do SUS (Sistema Único de
Saúde), ela finalmente conseguiu engravidar.  — Colocaram três
embriões para que pelo menos um vingasse. Quando fiz meu primeiro ultrassom a
médica disse que seriam gêmeos


A história começou quando Hildeane e o marido Valmir decidiram ter filhos. Depois de 11 anos de casados, eles descobriram que ela tinha dificuldades para engravidar e optaram pelo tratamento de fertilização. Após cinco anos na fila do SUS (Sistema Único de Saúde), ela finalmente conseguiu engravidar. 

— Colocaram três embriões para que pelo menos um vingasse. Quando fiz meu primeiro ultrassom a médica disse que seriam gêmeos
Foto: Reprodução/Rede Record
Em um outro exame,
Hildeane descobriu que o terceiro embrião também havia vingado e, além disso,
os outros dois haviam se multiplicado.  — Eu fiquei muito
tensa. Parecia que tinham aplicado uma anestesia em mim. Eu só conseguia pensar:
“Jesus, o que vamos fazer?”. Um já é difícil, cinco então. Eu chorava muito, porque
não sabia como ia cuidar, como ia comprar as coisas. No começo foi muito difícil



















Em um outro exame, Hildeane descobriu que o terceiro embrião também havia vingado e, além disso, os outros dois haviam se multiplicado. 

— Eu fiquei muito tensa. Parecia que tinham aplicado uma anestesia em mim. Eu só conseguia pensar: “Jesus, o que vamos fazer?”. Um já é difícil, cinco então. Eu chorava muito, porque não sabia como ia cuidar, como ia comprar as coisas. No começo foi muito difícil
Foto: Reprodução/Rede Record
























































































































































































Quíntuplos de PE sofrem com falta de leite da mãe e passam fome; Saiba como ajudar Reviewed by Bom Jardim News on segunda-feira, julho 27, 2015 Rating: 5

Nenhum comentário:

Todos os Direitos Reservados Bom Jardim News © 2017

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.