AdSense

ÚLTIMAS

recentposts

'Não aprovava a escolha dele', diz mãe de Playboy em post emocionado

Mãe de traficante morto pela polícia agradeceu a Costa Barros.
Ela diz na postagem que no enterro percebeu que o filho era amado.


12/08/2015 04h00 - Atualizado em 12/08/2015 08h57


FACEBOOK

Postagem da mãe de Playboy numa rede social (Foto: Reprodução/internet)Postagem da mãe de Playboy numa rede social
(Foto: Reprodução/internet)
Numa postagem numa rede social na noite de terça-feira (11), a mãe de Celso Pinheiro Pimenta, o Playboy, traficante morto pela polícia no sábado (8), agradeceu à comunidade de Costa Barros, no subúrbio do Rio, pelo comparecimento dos moradores ao velório do filho. Ela disse que não aprovava a escolha de Playboy, mas no seu enterro pôde perceber "o quanto era amado".
Playboy foi morto numa operação que envolveu o Batalhão de Operações Especiais (Bope) da Polícia Militar e a Polícia Federal no Morro da Pedreira, em Costa Barros. Era um dos traficantes mais procurados do Rio.
Condenado a 15 anos e 8 meses de reclusão por tráfico, roubo e homicídio qualificado,Playboy era foragido do sistema penitenciário.
O Disque Denúncia oferecia recompensa de R$ 50 mil por informações que levassem à captura do traficante. Ele era um dos chefes do Morro da Pedreira e o último remanescente da quadrilha de Pedro Machado Lomba Neto, o Pedro Dom, que durante anos aterrorizou moradores do Rio de Janeiro, invadindo residências para assaltar.
Na postagem, a mãe de Playboy diz que "apesar da dor que parecia não acabar, eu e minha família fomos acolhidos e amados por todos que chegavam a cada minuto".
Ela ressalta: "Não fazia parte e não aprovava a escolha dele, mas percebi o quanto era amado". A mãe agradeceu ainda aos cantores que "exalaram lindos louvores que o meu filho amava ouvir".
"Que deus acalme o meu coração e dê sabedoria para seguir em frente com vida e saúde para ajudar na criação dos meus netos seguindo o último desejo do pai", termina ela a mensagem, assinando "MÃE".
Traficante Playboy, Celso Pinheiro Pimenta, foi morto em operação policial no Rio. A recompensa oferecida por sua captura era de R$ 50 mil (Foto: Reprodução / Disque Denúncia)No cartaz do Disque Denúncia, a recompensa de
R$ 50 mil (Foto: Reprodução/Disque Denúncia)
Notas baixas e reprovação
Antes de se tornar o traficante mais procurado do Rio, Celso Pinheiro Pimenta rodou por colégios de Laranjeiras, bairro de classe média na Zona Sul, onde foi criado.
"Tinha o comportamento normal de uma criança daquela idade; me surpreendeu ver o que aconteceu. Fico muito triste", lamentou um funcionário do Colégio Laranjeiras, onde Playboy cursou a 5ª e a 6ª séries do ensino fundamental.
G1 teve acesso aos boletins de Celso na adolescência. O histórico mostra que, após repetir a 5ª série no Colégio Providência, sua mãe o matriculou, em 1995, no Colégio Laranjeiras, na Rua Conde de Baependi. Cursou todo o ano letivo e ficou em recuperação em artes e matemática, passando com média 5 nas duas disciplinas.
Em 1996, as notas baixas o fizeram ser reprovado em várias matérias, e seus pais o transferiram para outro colégio.
Boletim da 6ª série de Playboy mostra que ele reprovado em cinco matérias e aprovado em cinco  (Foto: Reprodução )Boletim da 6ª série de Playboy mostra que ele reprovado em cinco matérias e aprovado em cinco
(Foto: Reprodução)

Fonte   :   Do G1 Rio

'Não aprovava a escolha dele', diz mãe de Playboy em post emocionado Reviewed by Bom Jardim News on quarta-feira, agosto 12, 2015 Rating: 5

Nenhum comentário:

Todos os Direitos Reservados Bom Jardim News © 2017

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.