AdSense

ÚLTIMAS

recentposts

O problema deste país não é Lula, é o golpe', diz ex-presidente em SP

O protesto ocorre após Lula ter sido condenado a 9 anos e meio de prisão por corrupção no caso do triplex no Guarujá e do bloqueio e confisco de dinheiro e bens do ex-presidente

© Jornalistas Livres

Movimentos sociais e sindicatos fizeram um protesto hoje (20) em frente ao Museu de Arte de São Paulo (Masp), na Avenida Paulista, em apoio ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e contra as reformas trabalhista e da Previdência. Atos semelhantes ocorreram em outras capitais, como no Rio de Janeiro, Salvador e Recife.
Lula participou do ato em São Paulo e, em discurso, afirmou que o Brasil "tá sem autoridade, sem credibilidade. O judiciário já não cumpre sua função de garantir a constituição". 
"O problema deste país não é o Lula, é o golpe", disse o ex-presidente no começo de sua fala. 
Ele afirmou que esse "É o primeiro ato, vão ter outros pelo país afora. Eles têm que saber que vamos conquistar eleições diretas para reestabelecer a democracia". 
Depois de passarem décadas tentando destruir o PT, um tiro de garrucha matou a revoada de tucanos".
O protesto ocorre após Lula ter sido condenado a 9 anos e meio de prisão por corrupção no caso do triplex no Guarujá e do bloqueio e confisco de dinheiro e bens do ex-presidente por determinação do juiz federal Sérgio Moro. Sobre isso, Lula afirmou: "Queria desafiar os procuradores da Lava Jato: por favor me desmoralizem, mostrem uma prova". 
No ato, os manifestantes pediram também a saída do presidente Michel Temer e eleições diretas. Participaram políticos do PT e integrantes do partido e de movimentos sociais, como o Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) e o Movimentos dos Trabalhadores Sem Terra (MST), e de centrais sindicais. 
"Se o Temer tivesse um mínimo de compromisso com o povo brasileiro, ele renunciaria hoje e chamaria eleições diretas em caráter emergencial", disparou Lula.
Rio de Janeiro
No Rio de Janeiro, os manifestantes se concentraram na Cinelândia, em frente à Câmara Municipal. Foi feita uma homenagem ao ex-assessor para Assuntos Internacionais dos governos Lula e Dilma, Marco Aurélio Garcia, morto hoje vítima de um infarto. Representantes do PT e de outros partidos de esquerda discursaram em cima de um carro de som para os militantes, que carregavam bandeiras dos partidos. A Polícia Militar reforçou a segurança no local. O protesto transcorreu pacífico. 
O problema deste país não é Lula, é o golpe', diz ex-presidente em SP Reviewed by Bom Jardim News on quinta-feira, julho 20, 2017 Rating: 5

Nenhum comentário:

Todos os Direitos Reservados Bom Jardim News © 2017

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.